BLOG

BLOG

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

FOTOS DAS 17 EQUIPES QUE PARTICIPA DO 10º CAMPEONATO DE FUTSAL DE JAÇANÃ


















Espanhol condenado por matar empresário no RN é assassinado

O espanhol Anxo Anton Valiño Gonzales, de 51 anos, foi morto a tiros no início da tarde desta quinta-feira (6). O crime aconteceu no Jardim Lola, em São Gonçalo do Amarante, no meio da rua. De acordo com o delegado Raimundo Rolim, o crime tem características de execução. Ele estava no regime aberto desde maio deste ano. O estrangeiro foi condenado pela morte do empresário Paulo Ubarana, crime ocorrido no município de Nísia Floreste em 2004.
Segundo informações da Polícia Militar, Anxo estava acompanhado da mulher quando dois homens em uma moto se aproximaram do espanhol na Rua Carlos Gomes e efetuaram vários disparos de arma de fogo. Anxo morreu no local. Com o espanhol foi encontrada uma quantia de R$ 400.
Caso Ubarana
O empresário Paulo de Tarso Ubarana desapareceu no dia 21 de setembro de 2004 e só foi encontrado uma semana depois, morto, com dois tiros na cabeça, na praia de Búzios, no litoral Sul do Estado.
No dia 24 de outubro de 2004 Anxo Anton e a companheira dele, Patrícia Maria da Silva, foram presos preventivamente pelo assassinato do empresário. Em julho de 2007 Anxo Anton foi condenado ao cumprimento de 19 anos de reclusão, pela prática de homicídio duplamente qualificado, considerado hediondo. Na sentença, ficou estabelecido que a pena deveria ser cumprida em regime inicialmente fechado.
No dia 13 de maio deste ano o juiz da vara de execuções penais Henrique Baltazar concedeu a progressão do regime semiaberto para o aberto.

  • Foto de Notícias no Face.
    Foto de Notícias no Face.
    Foto de Notícias no Face.